Seja bem vindo

Professores qualificados

A necessidade de professores qualificados

 

Para que o Budadharma possa beneficiar os outros é preciso que haja professores qualificados; apenas textos de Dharma não ajuda. Tornar-se um Professor de Dharma qualificado exige preparação e treino especiais.

Não é fácil se tornar um Professor de Dharma, porque qualidades especiais são necessárias: sabedoria, visão correta, fé, convicção e uma conduta pura que sirva de exemplo para os outros. Um Professor de Dharma também precisa ter um inesgotável reservatório de conhecimento e experiência de Dharma a fim de ensinar; senão ele, ou ela, ficará esgotado depois de um ou dois anos de ensino.
Se um professor não tiver qualidades como sabedoria, experiência, fé e motivação pura, os outros terão dificuldade de gerar fé nele e em seus ensinamentos, e haverá pouco benefício. Além disso, sem uma formação e preparo adequados, há o risco dos professores misturarem suas atividades mundanas, samsáricas, com as atividades de ensino. Portanto, não há dúvida de que precisamos nos formar bem se tivermos um desejo genuíno de beneficiar os outros.

Se completarmos o Programa de Formação de Professores, poderemos começar a ensinar imediatamente. Alternativamente, se quisermos levar uma vida meditativa, veremos que esse programa nos preparou muito bem. No mínimo, seremos grandes eruditos budistas com uma experiência profunda e estável de Dharma.

Esses programas são, portanto, verdadeiras joias-dos-desejos para os praticantes de Dharma. Participando deles, podemos melhorar nossa sabedoria e experiência de Dharma e usar o Dharma para solucionar nossos problemas diários. Podemos nos tornar nosso próprio protetor, defendendo-nos de perigos e sofrimentos; e nosso próprio médico, curando nossa dor mental com esse remédio, o Dharma.

Seremos capazes de dar aos outros um bom exemplo a seguir e de ajudá-los com ensinamentos e aconselhamento. Por fim, poderemos dar extensos ensinamentos e beneficiar os outros de muitas maneiras organizando programas especiais etc. Desse modo, vamos tornar a nossa vida humana e a vida dos outros extremamente significativa.

Uma compreensão especial

Durante as aulas do Programa Fundamental, o Professor vai ler o texto e dar explicações adicionais. Isso cumprirá dois objetivos: esclarecer pontos difíceis e passar a linhagem oral. Assim, quando o Professor ou Professora estão lendo o livro, eles não estão apenas lendo para nós; estão também transmitindo a linhagem do texto a futuros professores.

Os textos em si são bastante claros. Os textos de Lamrim e Lojong são de fácil compreensão. Contudo, quando estamos seguindo este programa, precisamos ter uma compreensão especial. Isso envolve ler, contemplar, discutir, memorizar e meditar.

A discussão é um aspecto particularmente importante do programa, porque podemos nos ajudar mutuamente ao compartilhar nossa experiência e compreensão de Dharma. Ás vezes, podemos discutir em duplas; outras vezes a classe pode discutir em conjunto.

Quando discutimos, devemos manter sempre uma mente aberta e a motivação de ajudar nosso parceiro. Se tivermos alguma experiência ou compreensão especiais, tentaremos compartilhar isso. Devemos sempre orientar nossa discussão como se estivéssemos dando algo precioso para um amigo.

Quando fizer perguntas a seu parceiro, faça-o unicamente com a intenção de aprender ou de esclarecer um ponto; não a fim de descobrir o quanto ele sabe ou deixa de saber; e quando ele responder, ouça atentamente como se estivesse recebendo algo precioso de um amigo.

Não se envolvam em discussões pesadas e evitem divergências explícitas. Se seu parceiro disser algo errado, calmamente aponte o equívoco, mas seja cauteloso para não ofendê-lo. Algumas pessoas não reagem bem quando são contrariadas; logo, lembre-se disso e fale com gentileza e consideração.

Às vezes, se alguém disser algo errado, podemos desconsiderar mentalmente o que foi dito e aparentemente concordar. Isso contribui para manter a discussão serena e amigável. Na realidade, ninguém tem uma má natureza, mas algumas pessoas aparentemente ficam bravas ou contrariadas. Se seu parceiro tiver dificuldade de compreender ou de aceitar seu argumento, seja paciente e aos poucos tente ajudá-lo a compreender.

Nossas discussões não devem ser como fogos de artifício – um grande barulho sem sentido; elas devem ser significativas e conclusivas. Devemos tentar concluir cada discussão com uma clara decisão sobre o significado do assunto em questão.

Mais tarde, quando passarmos os exames, as conclusões que extraímos das discussões vão ser muito úteis. A discussão ajuda-nos a formular nossas idéias e chegar a decisões claras. Assim, teremos certeza e confiança. Do contrário, sem discussão regular, continuaremos a ter dúvidas e desconforto sobre o assunto.

Devemos tentar memorizar os pontos importantes do assunto e combinar a nossa compreensão com as atividades diárias de uma maneira prática. Também devemos observar os vários compromissos do programa. Esses compromissos foram elaborados para nos ajudar a cumprir nossa meta. Sem eles, corremos o risco de nos deixar distrair pela preguiça e por outras situações, e não completar nossos estudos.

A bondade dos estudantes

Aprecio muito o fato de vocês terem se inscrito no Programa Fundamental hoje; vocês são muito bondosos. Com um programa como esse, os Centros de Dharma se tornam significativos.

A real função de um Centro de h é dar ensinamentos às pessoas da área em que se encontra e compartilhar com elas a nossa experiência de Dharma, a fim de ajudá-las a solucionarem seus problemas diários. Se todas as pessoas que se inscreveram hoje seguirem esse programa pacientemente, observando todos os compromissos, prestando os exames etc., isso será um gesto de grande bondade para com os outros.

Depois de terem completado o programa, vocês serão capazes de realmente ajudar seu Centro, bem como todas as pessoas da sua região. Desse modo, poderão satisfazer seus próprios desejos e, ao mesmo tempo, beneficiar os outros. Não é um trabalho pequeno; é uma grande conquista.

Agora que vocês aderiram ao programa, nunca desistam. Algumas vezes vocês vão encontrar dificuldades e problemas, outras vezes vão ficar entediados ou desanimados, mas isso tudo são pequenos problemas. Se aguardarem, eles vão passar e, mais tarde, vocês se sentirão bem novamente.

Enquanto continuarmos no samsara, experienciaremos problemas, mas isso não é razão para abandonarmos algo tão precioso e significativo. Tendo assumido essa grande tarefa, jamais devemos desistir.

Podemos achar que cinco ou sete anos é muito tempo, mas se praticarmos firmemente todos os dias, sem desistir, gradualmente alcançaremos nossa meta. Se começarmos hoje, amanhã já estaremos um pouco mais perto de concluí-la! Devemos pensar assim; então, um dia completaremos nosso treino.

Que maravilhoso! Seremos capazes de dar puros ensinamentos, com confiança, sobre qualquer assunto que tenhamos estudado, e as pessoas vão acreditar em nós e gerar fé, porque nos preparamos tão bem. Elas vão nos apreciar de vários pontos de vista: nossos ensinamentos, nossa experiência pessoal, nossa habilidade de ajudá-las a solucionarem seus problemas etc.

Esses são os benefícios que vamos experienciar nesta vida. Na realidade, as vidas futuras são muito mais importantes. Vamos experienciar os resultados benéficos de estudar esse programa vida após vida até alcançarmos a iluminação. Os benefícios são inesgotáveis.

Eu já preparei a maioria dos assuntos para os programas. Se houver pontos obscuros nos textos, é da minha responsabilidade esclarecê-los. Se encontrarem esses pontos durante as discussões, escrevam-me e darei as respostas. Por exemplo, os ensinamentos de Lamrim vieram originariamente de Atisha, de Je Tsongkhapa e do meu Guru raiz, Trijang Rinpoche, mas o texto específico que vocês estão estudando foi preparado por mim.

Igualmente, o Guia ao caminho do meio foi escrito por Chandrakirti, mas eu escrevi o comentário que vocês irão estudar. Portanto, tenho a responsabilidade de esclarecer quaisquer pontos que não estejam claros e ajudar vocês a superarem as dificuldades que tenham em seus estudos.

Também sou responsável pela preparação dos exames para vocês. A responsabilidade de vocês é manter os compromissos e completar o programa. Assim, gostaria de dizer muito obrigado a todos vocês e encorajá-los a completarem seus estudos com alegria”.

Leave a Comment

You must be logged in to post a comment.